Planejamento escolar: como se preparar para o próximo ano letivo

Confira dicas para estar preparado no novo ano escolar!

Confira dicas para estar preparado no novo ano escolar! 

O fim do ano letivo está se aproximando: enquanto os alunos estão animados para aproveitar as férias e os pais já começaram a pensar na compra de novos materiais escolares e também na adaptação dos filhos,  os educadores estão finalizando o planejamento escolar do próximo ano. Na escola, esse é um momento do qual toda a equipe pedagógica participa! 

Como é muito importante para o cotidiano escolar, o ideal é fazer o planejamento ainda no semestre anterior, revisando-o com calma e atenção e definindo as metas e atividades anuais. Dessa forma, há maior garantia de um planejamento funcional e sólido para o novo período. Além disso, há tempo suficiente para aprimorá-lo e alterá-lo, caso seja necessário. Quer saber mais sobre planejamento escolar? Acompanhe o post!

O que é o planejamento escolar?

É um projeto elaborado pela equipe pedagógica da escola, com o intuito de organizar e definir as práticas, metas e atividades que serão realizadas no ano letivo. O planejamento escolar também é usado na apresentação da escola aos pais e à comunidade escolar. Nele, devem estar presentes questões burocráticas, como leis e normas escolares, e questões pedagógicas, como métodos de avaliação, projetos e atividades extracurriculares. O planejamento também auxilia os professores a elaborar as aulas, por isso a participação de todos os profissionais na elaboração desse documento é importante.  Assim, é possível ter uma visão geral de como a escola funcionará, baseada em exemplos e ideias da realidade escolar. Além da criação do planejamento escolar, é preciso acompanhar o desempenho e o cumprimento do que foi registrado nesse documento durante o ano! 

Quando começar a planejar?

Comece a elaborar o planejamento do ano escolar no segundo semestre do ano anterior. Assim, é possível estruturá-lo com calma e pensar em todos os pontos importantes para a rotina da escola. Consulte o planejamento do ano presente e analise os resultados e metas alcançadas até o momento, dessa forma é possível observar o que deve ser mantido ou melhorado. 

O que colocar no planejamento?

Tabela curricular mensal: de acordo com as turmas, crie uma tabela e liste os conteúdos que serão abordados em sala. Separe por mês e organize a ordem do que será passado aos alunos, assim os professores têm um registro da sequência do que deve ser estudado para planejar e programar atividades. 

Infraestrutura da escola: enumere e detalhe as melhorias na infraestrutura das salas, banheiros e áreas que os alunos frequentam, assim como a condição de móveis, computadores, projetores e objetos que os professores utilizam. Assim é possível planejar reformas ou aquisição de novos materiais. A qualidade do ambiente e dos materiais também influencia na qualidade do ensino e no desempenho dos estudantes e dos colaboradores! 

Definir a equipe: procure saber com antecedência sobre os professores e outros profissionais que estão decidindo se aposentar, trabalhar em outro lugar ou tirar licenças. É fundamental ter essas informações para definir o que será feito em determinadas situações.

Montar horários: com a equipe definida, é o momento de organizar as turmas e montar a grade de horários de cada professor. É comum que ao longo do ano letivo aconteçam imprevistos, mas a rotina de alunos e professores não deverá ser afetada por conta de janelas na grade.

Renovar os objetivos e metas: revise os objetivos e metas estabelecidos e verifique quais foram alcançados, dentro e fora da sala de aula. Análise o processo, veja o que deve passar por uma renovação e o que é bom ser mantido. Lembre-se de que esses pontos devem atender as necessidades e desejos dos pais, dos funcionários da escola e dos alunos.  

Programe as reuniões de pais e professores: os encontros de pais e professores durante períodos do ano letivo são oportunidades importantes para criar uma boa comunicação entre escola e pais. As reuniões devem ser atrativas e produtivas, e não precisam durar horas, mas devem ser abertas para estimular o envolvimento dos participantes. A comunicação deve ser clara, e se as reuniões presenciais não funcionarem, utilize outros meios para manter a relação com os pais, como blogs e newsletters. 

Pesquise novos métodos de ensino: a educação também passa por várias renovações a cada ano, por isso é sempre bom adotar novos métodos de ensino e incentivar mudanças positivas. Pesquise sobre novas metodologias e conteúdos que podem ser benéficos para a educação dos alunos durante esse novo ano. Reúna os educadores e compartilhem ideias e perspectivas que estimulam a mudança!

Acompanhe o planejamento na prática: o planejamento escolar deve ser bem definido, mas também deve ser flexível devido às mudanças que podem ser necessárias ao longo do ano letivo. Para ver como está o andamento do que foi planejado, organize reuniões com a equipe pedagógica quinzenalmente ou mensalmente. Não evite mudanças! 

Essas são algumas dicas para você elaborar o planejamento escolar de sua instituição.Com dedicação e muito esforço, será possível evitar dores de cabeça durante o ano e oferecer um ensino de qualidade para  seus alunos. Siga o exemplo de experiências anteriores que foram positivas e, para o próximo ano, aprimore as que não foram tão boas assim!

Acompanhe o nosso blog e veja mais dicas para educadores:

7 dinâmicas para os professores realizarem em sala de aula

5 atitudes para se tornar um excelente professor

FIQUE POR DENTRO DAS NOVIDADES DO DOM BOSCO